terça-feira, 12 de agosto de 2014

Escola Moreira Franco recebe lousa digital

O professor William Erthal mostrando, ao lado da professora Carminha,
 a lousa digital instalada por ele na Escola Moreira Franco.
Foto: Maria do Carmo Vogas.
O equipamento já está instalado no laboratório de informática da Escola Municipal Governador Moreira Franco. A próxima escola a receber o equipamento é a Escola Municipal Armando Jorge Pereira de Lemos.

Programa Nacional de Tecnologia Educacional - ProInfo, executado no âmbito do Ministério da Educação, visa promover o uso pedagógico das tecnologias de informação e comunicação nas redes públicas de educação básica.  O Programa Lousa Digital é usado para complementar o Computador Interativo (Projetor Multimídia), entregue anteriormente às escolas. A distribuição dos equipamentos é parte das ações previstas no Programa Nacional de Formação Continuada em Tecnologia Educacional (ProInfo Integrado) – um programa de formação voltado para o uso didático-pedagógico das TIC no cotidiano escolar, articulado à oferta de conteúdos e recursos multimídia e digitais.

O ProInfo leva às escolas computadores, recursos digitais e conteúdos educacionais. Em contrapartida, estados, Distrito Federal e municípios devem garantir a estrutura adequada para receber os laboratórios e capacitar os educadores para uso das máquinas e tecnologias. As duas escolas municipais de Bom Jardim que já receberam anteriormente seus laboratórios de informática do ProInfo foram inscritas no Programa Lousa Digital. A Secretaria Municipal de Educação de Bom Jardim -SME providenciou a contrapartida ao fornecer as condições necessárias à execução do programa.
Projetor que, junto com a tela e acoplado a um computador,
possibilitam a interação direta com a lousa digital.
Foto: Maria do Carmo Vogas.

A Lousa Digital é uma ferramenta que transforma a superfície de projeção em um quadro interativo. Ela permite ao professor preparar apresentações em programas comuns de computador e complementar com links de sites, ou seja, durante a aula é possível navegar na internet com os estudantes enquanto apresenta o conteúdo projetado. Pode ainda criar ou utilizar jogos e atividades interativas, contando com a participação dos alunos. Pode-se, inclusive, escrever na tela por meio de um teclado virtual utilizando caneta especial ou o próprio dedo. O ensino passa a contar com recursos facilitadores extraordinários, pois é possível, por exemplo, fazer apresentações do corpo humano em três dimensões e estudar geografia com a ajuda de mapas feitos por satélite e disponíveis em sites como o Google Maps ou Google Earth. Assim, na lousa digital a criatividade é o limite.

0 comentários:

Postar um comentário